Bem Vindo(a)!

Sejamos jovens adeptos à cultura




sexta-feira, 23 de abril de 2010

CONSEQUÊNCIAS

Dessa água eu não beberei
Eu cansei de dizer
Eu jurava que não
Mas no fundo queria você
A cabeça dá ordens
Que o coração não aceita
E se o caso é paixão
Simplesmente ele nada respeita
De repente
Sem mais nem porquê
Você liga pra mim
Diz que se arrependeu
Que me ama
e coisas assim
Começo a sonhar
Me deixo levar
Nem penso em medir conseqüências
Se de novo eu tiver que chorar
- paciência...
O amor me venceu
O orgulho perdeu
A boca sorrindo
E os olhos vermelhos
A cabeça de pé
E o coração de joelhos
Ah, já não sou
Dona de mim
Eu jurava que não
E de novo estou amando assim ♪
P&S

2 comentários:

Tamyle Dias Ferraz disse...

"...e de novo estou amando assim..."

Felicidades cocota!
*-*

Samia Monteiro disse...

obrigada Tamyy, felicidades pra você também :D

Visitante número: